quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Frio no mergulho

       O frio é uma das coisas que mais incomodam  durante um mergulho. Muitas vezes ele é o que determina quanto tempo podemos ficar na água. Vejamos então como aumentar o seu tempo de permanência em águas frias.





      Apesar de vivermos em um país tropical, temos uma boa parte do nosso território com águas relativamente frias.  Em média eu recomendaria um mergulho de 15 a 20 minutos em águas frias, que pode ser repetido após o corpo recuperar o calor corporal. Na água perdemos calor muito mais rápido do que no ar, por isso é importante ficar atento a sinais de perda de calor em excesso  para saber a hora de sair. Alguns sinais de perda de calor em excesso são:

  • Lábios roxos
  • Tremedeira
  • Dentes batendo
      Esses são os primeiros sintomas de um início de hipotermia.  Se você tiver algum deles não é preciso ficar nervoso, eles são o corpo dizendo que está perdendo calor  muito rápido. Se eles persistirem ou se intensificarem não insista, saia da água e se aqueça.


O que você pode fazer antes de entrar na água:
  • Comer alimentos energéticos(carboidratos) duas horas antes do mergulho.
  • Não ingira álcool até 6 horas antes.
  • Mantenha-se aquecido até a hora do mergulho.
  • Faça um alongamento antes para evitar câimbras e para diminuir o desconforto pelo frio. Dê uma atenção especial para as pernas.
  • Não entre na água até seu parceiro de mergulho estar pronto para ir também.

O que fazer durante o mergulho para diminuir a perda de calor.
  • Nade lenta e calmamente. 
  • Tente nadar a maior parte do tempo com as mãos debaixo das axilas, pode ser mais fácil se você estiver com algum tipo de flutuador.
  • Prefira ficar na superfície aonde a água é mais quente e evite a submersão.
  • Evite ficar na vertical,  gastamos mais energia para permanecer de pé.
Depois do mergulho:
  • Se enxugue numa toalha o mais rápido possível.
  • Coma um pouco de alimento que libere energia rápido como banana.
  • Se proteja do vento, principalmente o peito e as costas.  
        Algo que realmente faz muita diferença é o uso de uma roupa de mergulho feita de neoprene. Ela retem a água aquecida junto ao corpo e aumenta bastante o tempo de permanência. 
       Como experiência pessoal  posso dizer que sem a roupa de neoprene costumo ficar em torno de 20 minutos e com a roupa já passei de 1 hora dentro da água. Mas ainda há uma dica que pode ser dada quando se tem uma roupa de neoprene que pode aumentar ainda mais o conforto em águas frias.
  • Leve uma garrafa térmica com água quente. Misture a água quente com água do mar até que atinjam uma temperatura que a pele consiga aguentar. Derrame por dentro da roupa a partir do pescoço para que a água fique presa principalmente  na região do peito e das costas. Isso irá minimizar em muito a perda de calor.
  • Usar botas e luvas de neoprene também evitam a perda de calor pelas extremidades do corpo.

         Todas essas ações irão aumentar o seu tempo de permanência na água e diminuir o seu desconforto, mas sempre fique atento aos sinais do seu corpo para saber a hora de sair evitando assim câimbras, problemas respiratórios e até hipotermia.

Grande abraço,

 Márcio Alves.


Nenhum comentário:

Postar um comentário